Salgueiro é Sol e Sal nos Quatrocentos Anos de Natal

スポンサーリンク

Salgueiro – Samba Enredo 1999

O rei sol a brilhar
Clareia meu amor, clareia
Encantou meu olhar
Vagando neste manto de areia
Com a colonização
Deu-se a expansão
Que maravilha!!!
Seu forte é o marco desta terra
Tem o sal que lhe tempera
O ar é pura sedução

Tem jangadas no mar
Mareia meu amor, mareia
Eu vou deitar e rolar
Gostoso e deslizar na areia


Oh! Natal
Meu Deus do Céu, eu nunca vi tanta beleza
Obra da mãe natureza
Cartão postal do meu Brasil
Do turista que se encanta a delirar
Nesta festa popular
Salgueiro é o sol que irradia
Neste dia de folia
E faz aqui seu “Carnatal”

É sol, é sal, é paixão, amor…
Natal é pura emoção, vem brindar…
Bate na palma da mão, a festa vai começar
São quatro séculos de história, pra contar

タイトルとURLをコピーしました